Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Os meus Sonhos e Desejos de Vida!

Qual o meu Propósito e Contributo neste mundo 🌎? Quero Partilhar a minha caminhada nesta procura e no meio desejando alcançar os meus Sonhos! Quero Olhar para trás e ver que dei o melhor de mim! ❤️❤️❤️💓💓🥰🙏🌍

Os meus Sonhos e Desejos de Vida!

Qual o meu Propósito e Contributo neste mundo 🌎? Quero Partilhar a minha caminhada nesta procura e no meio desejando alcançar os meus Sonhos! Quero Olhar para trás e ver que dei o melhor de mim! ❤️❤️❤️💓💓🥰🙏🌍

Ser melhor - Hábito 2 - 🔹Mente (Aprender) - Crescimento e Desenvolvimento Pessoal - AutoControlo vs Hábito 3 - 🔸Amar ❤️ (Coração) - Relacionamentos/Social - Auto-Dominio

25.01.20 | solua

🔹Mente (Aprender) - Crescimento e Desenvolvimento Pessoal -  AutoControlo vs 🔸Amar ❤️ (Coração) - Relacionamentos/Social - Auto-Dominio

Tenho lido sobre o autocontrolo e sobre o auto-domínio, porque ultimamente, nos últimos anos tenho perdido o meu domínio e controle mais rapidamente, e deixa-me sem energia e triste ☹️.

Mas verifico que o auto-domínio e o autocontrolo não é a mesma coisas.

Auto-domínio é dominar o envolvimento com as emoções.

E não só o controle temporário de uma emoção que depois é acumulado internamente.

Qual a diferença entre autocontrolo e auto-domínio?

Autocontrolo é a capacidade de controlar os impulsos animais para que eles não sejam manifestados através de fala, ações e hábitos para diminuir o impacto externo. Não possui controle sobre os pensamentos, sensações e emoções.

Já o auto-domínio é a capacidade de observar emoções, julgamentos e pensamentos impulsivos e não acreditar ou resistir a eles, sabendo que são apenas sugestões do nosso sistema de defesa animal inconsciente. Assim como surge, deixar ir.

O autocontrolo é um tratamento para uma doença cronica e constante que só pode ser controlada, mas não resolvida.

O auto-domínio é a cura dessa mesma doença dita como incurável.

Boas práticas para praticar o auto-domínio:

  • Não-julgamento: Todo julgamento é uma opinião, toda opinião é parcial, toda parcialidade não é realidade, mas apenas uma percepção.

                                        Aquilo que é percebido não é o que é real. Discutir ou defender algo que não é real traz sofrimento.

  • Perdão: Perdoe o outro, peça perdão, perdoe a si mesmo.

                       O perdão é compreender que tudo está em evolução e o erro e a falha são apenas limitações de percepções prévias.

                       O perdão permite que cada ser aprenda no seu tempo, independente de quantas vezes erra.

  • Gratidão: Aceitar cada situação, pessoa e fenómeno como ele se manifesta é a base para o amor e a compaixão.

                          Novamente, aceitar não significa concordar, mas sim compreender ao invés de condenar.

                         E a compreensão só é possível quando somos humildes e honestos em ver também as nossas falhas de carácter.

Realmente com estas 3 práticas diárias e treinadas diariamente, permite-nos viver mais alegremente, harmoniosamente e em paz.

Fonte Pesquisa

Mente vs Coração

c8a6a5ba6107d7536900dbd387e46c91.jpg